Cantares 8


Capítulo 8:
1.Ela desejava beijar o amado em público, mas os costumes ou a ética da sociedade não permitiam. Leia Gênesis 26.8-9. Era permitido que as mães de algumas mulheres do harém do rei morassem perto das filhas. A casa da mãe seria mais privativo. Ela continua desejando os abraços do amado bem como privacidade das amigas. O casal vem do deserto a sós. O coro das mulheres observa o quanto são apaixonados. A mãe da Sulamita deu à luz debaixo de uma macieira. Ali debaixo da macieira também eles namoram. Ele deseja ter a segurança de que ela o ama de verdade, por isso, o símbolo do selo no coração e no braço. Alguns pensariam hoje que se trata de tatuagem[1]. O amor é colocado sob a perspectiva duradora. Ele é forte como a morte. Assim como a morte muda o rumo, o amor também. A morte liberta, o amor também.  A morte é uma entrega, o amor também. Cristo demonstrou Seu amor através da morte.
O ciúme é um senso de posse que pode ser exagerado e neurótico, porém, é real a todos os que cuidam de alguém. O ciúme de Deus é fogo vingador. O nosso ciúme é confuso e dependente Dele. As muitas águas não poderiam apagar o amor. O amor dele por ela é indestrutível e inegociável. Com isso, concluímos que o amor é um sentimento, uma decisão e um pacto inexplicáveis (v.1-7).

2.Embora alguns títulos de Bíblia atribuem este versículo ao coro, é provável que sejam os irmãos da Sulamita falando e se responsabilizando por ela, irmã mais nova. Veja Gênesis 34 e 2 Samuel 13.19-22. Ela protesta recusando a proteção de seus irmãos, pois já está crescida e agora o seu amado cuidará dela. Ela não é mais criança. Ela é mulher que tem condições de satisfazer o seu marido. Salomão possuía vinhas que produziam bastante para o comércio. Esta ficava na região do Líbano. Veja Isaías 7.23. Aqui vemos a comunhão do casal em seus bens. O que é dele também é dela. Os vinhateiros são pagos corretamente pelo seu trabalho, 20% da produção. O livro termina com um hino de amor mútuo. Ela o quer junto a si e ele não tem vergonha quando ela fala. É uma honra deixar os amigos ouvirem a sua amada falar. O livro termina com um hino de amor mútuo. Ela o quer junto a si e ele não tem vergonha quando ela fala. É uma honra deixar os amigos ouvirem a sua amada falar (v.8-14).



[1] Angelina Jolie tatuou no braço as coordenadas geográficas que indicam os locais de nascimento de seus filhos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário