Gênesis 3



Capítulo 3: A entrada do pecado no mundo
1.Aqui está toda a explicação para as misérias do mundo. O pecado que já existia em Lúcifer o qual se tornou Satanás, agora atinge o cabeça federal da humanidade. As consequências do pecado de Adão e Eva atingiriam a todos os que nascessem após eles. Não apenas a humanidade foi afetada, mas a criação toda. Satanás sob a permissão de Deus, evidentemente, se apossou de uma cobra e insinuou para a mulher que Deus estava errado. Ela aceitou a sugestão e disse que Deus não permitiu tocar no fruto, embora Deus não tenha falado isso. Certamente o texto anterior diria isso, se Deus tivesse falado, pois é um assunto que precisa muito esclarecimento para não termos dúvida de como o pecado entrou no mundo. A entrada do pecado no mundo foi um processo que culminou na desobediência. O casal comeu do fruto, sendo que a mulher foi enganada, mas o homem pecou deliberadamente. A nudez foi imediatamente percebida, a mente pura foi contaminada (v.1-7).


2.Após a desobediência Deus procura o casal, mas os pecadores passam a fugir de Deus. As consequências atingiram a serpente, Satanás, a mulher, o homem e a natureza em sua totalidade. Em meio às consequências, duas demonstrações da graça de Deus são percebidas. Primeiro, a promessa de um Libertador para salvar a humanidade das terríveis consequências eternas do pecado.

“Vivemos num mundo que ainda sofre com aquela maldição. Estamos lutando constantemente contra doenças, dores, fraquezas, dores de parto, trabalhos duros, difíceis condições climáticas, pestes de animais e insetos, ervas daninhas, tristezas, angústias e morte.”[1]

Outra demonstração da graça de Deus é percebida nas vestes providenciadas pelo próprio Deus. Ele teve que matar animais para vesti-los. A partir daí o homem só chega até Deus através de um inocente morrendo em seu lugar (v.8-21).

3.O afastamento do jardim para não comerem da árvore da vida também pode ser visto como a misericórdia de Deus, pois agora a morte passa a ser, para o salvo, uma libertação da miséria que o pecado causou no físico. O jardim foi bem guardado por Deus (v.22-24).


[1] Alicerces Firmes – Da criação a Cristo, pg. 207 – Trevor McIlwain (Missão Novas Tribos do Brasil – 1997)

Nenhum comentário:

Postar um comentário