Gênesis 11



Capítulo 11: A Torre de Babel
A marca do homem é viver independente de Deus. O plano de Deus era que os homens habitassem a terra e não um local específico. Os homens rebeldes já sabiam disso e, por isso, arquitetaram um plano de aglomeração em torno de uma construção. A partir daí, a humanidade ganhou uma obsessão por monumentos que os distingue dos demais povos e, aparentemente, lhes dá um orgulho nacional. Os planos humanos foram frustrados por Deus, pois foi fácil separar os homens através da comunicação truncada. A partir daí também, os idiomas separaram os homens. Mais uma vez são citados os descendentes de Sem, agora com o propósito de traçar a descendência até Abrão, Sarai e Ló (v.1-32).

“A ‘torre’ que construíram em Babel era uma estrutura conhecida como ‘zigurate’. Arqueólogos já escavaram várias dessas estruturas enormes construídas principalmente para fins religiosos.”[1]


[1] Comentário Bíblico Expositivo do VT Vol. 1 Pentateuco – pg. 77 – Warren W. Wiersbe (Editora Geográfica – 1ª edição 2006)

Nenhum comentário:

Postar um comentário