Gênesis 45



Capítulo 45: José se revela aos irmãos
1.Chegou a hora de José se revelar aos irmãos. José estava em uma explosão emocional, pois tentou se conter por muito tempo. A carga emocional dele foi derramada, porém, os irmãos nem tiveram tempo de processar suas emoções e, por isso, não conseguiram responder de pronto. Percebendo isso, José passa a contar o que aconteceu. Ele tenta acalmar os irmãos fazendo-lhes compreender que o plano de Deus estava acima de toda a crueldade deles. É possível que José falava aos irmãos sobre proteção, plano de Deus e livramento, mas eles só tinham na mente vingança, juízo e condenação. José era um homem prático e queria conduzir os irmãos ao assunto principal, que era a preservação do pai e dos irmãos. Todo o afeto por Benjamim foi demonstrado através do abraço e
choro. José também abraçou os demais irmãos. O perdão foi abundante no coração de José (v.1-15).

2.Faraó não teve ciúmes ou sentiu-se ameaçado pela família de José. Pelo contrário, deu-lhes as boas vindas e planejou residência para todos eles. Faraó não permitiu que voltassem para Canaã em lombos de animais, mas ofereceu-lhes carros (carroças). Faraó daria casas mobiliadas para a família de Jacó. Eles deveriam deixar suas alfaias (objetos, mobília) lá em Canaã. Um dia, os irmãos de José levaram ao pai as roupas dele rasgadas e manchadas de sangue. Agora, José dá roupas novas e limpas para eles. Assim é o perdão verdadeiro em contraste com a vingança. Benjamim foi contemplado com dinheiro, além das roupas. Foram feitas provisões para o caminho de volta ao Egito. José não os deixou sair sem uma advertência muito adequada à situação. José advertiu-lhes a não brigarem no caminho. Certamente, já estavam ensaiando acusações do tipo “eu não te disse?”. Jacó recebeu os presentes, mas o que mais importava a ele era o filho vivo (v.16-28).

“A vida de José
Prisioneiro
Benfeitor
Irmão
37-40
40-45
46-50
Separado da família
Reunido com a família
Residindo com a família”[1]

O que o perdão faz – Gn 45
1.Comove-se (v.1-2)
2.Importa-se com os outros (v.3)
3.Vê Deus mesmo sendo injustiçado (v.4-8)
4.Age de modo proativo e prático (v.9-15)
5.Abre portas (v.16-20)
6.Paga o mal com o bem (v.21-23)
7.Cobre a culpa (v.24)
8.Revigora o ânimo de todos (v.25-28)


[1] Knowing God through Genesis, Part 2, Joseph – David Egner (RBC Ministries – Grand Rapids, MI – EUA – 1991)

Nenhum comentário:

Postar um comentário