Deuteronômio 32

Capítulo 32: Cântico de Moisés
1.Todos sabemos a diferença entre um solo rochoso e um solo arenoso. O solo arenoso traz insegurança para construir sua casa (Mt 7.24-27). Até que se estude bem o solo não se deve pensar em nenhum projeto custoso. Depois que se sabe que o solo é rochoso o investimento pode ser alto, mas nunca será perdido. Há uma garantia de Rocha firme, que é a Pessoa de Jesus Cristo. Embora haja firmeza na Rocha, há também perigo ao enfrentá-la. A Obra dessa Rocha é perfeita. Tudo o que Deus fez é perfeito. Toda a Sua criação funciona como Ele quer. O modo como os planetas giram em torno do sol, como as estações mudam e como as estrelas brilham, fala da perfeição das obras de Deus. Os caminhos dessa Rocha são justos. Não há injustiça da parte de Deus. Os homens podem agir com injustiça, mas Deus, nunca. O problema é que o ser humano nem sempre concorda com a justiça de Deus, mas apesar disto Ele continua sendo a Rocha, firme e justo em Suas obras. É a Rocha verdadeira. Deus nunca mente. Aquilo que Ele diz em Sua Palavra, a Bíblia Ele cumpre. Os homens mentem uns para os outros. Os homens quebram contratos, mas Deus é sempre verdadeiro.
Por isso, você deve confiar no que Ele diz, pois é garantido como uma Rocha (v.4).

2.O nome Jesurum soa um pouco estranho para nós, mas é um nome poético para a nação de Israel, o povo amado de Deus. Jesurum quer dizer “o amado”. Deus cuidou do Seu povo, Israel, como um povo amado. Este povo engordou, isto é, ficou satisfeito com as bênçãos de Deus, mas infelizmente começou a dar coices na Rocha. Chutar uma Rocha é muito perigoso para o pé. Da mesma forma, desprezar a Rocha, que é o Deus verdadeiro, é um perigo para a vida. Não se deve desprezar a Pessoa de Deus, pois se assim fizer haverá conseqüências terríveis e eternas. Israel continuou dando coices na Rocha, rejeitando a Deus e a Seu Filho, Jesus Cristo (v.15, 1 Pe 2.6-8).

3.Nosso Deus sabe desprezar, também. Ele nos ama e cuida de todos nós, porém, Ele é um Deus que exige toda a adoração para Si somente. Deus não divide a Sua glória com nenhum outro ser ou deuses que, porventura, surjam na mente das pessoas. Só há um Deus e Ele é a Rocha eterna. Ele abate os arrogantes (Tg 4.6). Ninguém que lutou contra Deus conseguiu vencer. Ninguém que se esquece de Deus pode viver sem ser esquecido por Ele. Não ler a Bíblia é uma forma de não se lembrar de Deus. Devemos ler a Bíblia e quando necessário procurar alguém que realmente possa ajudar a entendê-la melhor. Muitas pessoas possuem várias Bíblias, mas não as lêem. Alguns até deixam a Bíblia na sala, aberta, mas não se lembram que a Bíblia não tem apenas uma página, mas em torno de 1400 páginas. O homem não pode se esquecer da Rocha para que ela não se esqueça dele (v.18-20).

4.O povo de Deus se esqueceu da Rocha e perdeu a sua firmeza. A Bíblia diz que um homem poderia fazer com que outros mil fugissem e somente dois homens colocariam dez mil inimigos para correr. Mas sem obediência tudo isto é apenas sonho. Se não obedecemos a Rocha, o Deus verdadeiro, a nossa vida está alicerçada na areia e não na Rocha e quer consegue ter firmeza na areia? A Rocha de Israel acabou entregando o seu povo para os inimigos. Há grandes benefícios em se obedecer a Deus, mas há enorme perigo em desobedecê-Lo. A Bíblia é o único livro que dirá para alguém o que Deus realmente quer e o que Ele exige (v.30).

5.Os próprios inimigos julgam assim. Na história do povo de Israel todos os seus inimigos foram derrotados. Da mesma forma todos os que estão seguros na Rocha que é Cristo Jesus são vitoriosos. O poder da nossa Rocha, que é o Deus verdadeiro, é mais forte que os demais ídolos e deuses falsos. Após atestar a firmeza da Rocha, o certo é continuar firmado nela. Você conhece esta Rocha ou ainda está patinando na areia e não consegue sair do lugar? Lembre-se: Não há engano na Rocha verdadeira. Mas é possível desprezar a Rocha. Só que ao esquecermos da rocha, Ela se esquece de nós. A Rocha pode fazer muito para os que são obedientes a Ela. Não há outra Rocha senão o Nosso Deus, que é o mesmo Deus de Israel, o único a quem todos deverão prestar contas um dia. Não deixe de conhecer hoje essa Rocha. Leia a Bíblia (v.31,36-37).

“Ó céus, Ó terra – criaturas sem vida e sem sentido, as quais ele chama para acusar a estupidez de Israel que foi mais tola para ouvir do que elas: são testemunhas da verdade de suas palavras e da justiça das acusações de Deus contra eles.”[1]

Os benefícios e os perigos de se conhecer a Rocha, que é Cristo
1.Não há engano nessa Rocha (v.4)
2.É possível desprezar a Rocha (v.15)
3.Esquecendo-se da Rocha, esta pode esquecer-se também (v.18-20)
4.A Rocha faria muito mais se houvesse obediência (v.30)
5.A nossa Rocha é mais firme que a rocha dos inimigos (v.31,36-37)

Conteúdo do cântico de Moisés
1.A Palavra de Deus sai da boca de Dele (v.1)
2.A Palavra de Deus desce como chuva (v.2)
3.O nome de Deus é grande (v.3)
4.Deus é Rocha de justiça (v.4)
5.O pecador é deformado e corrupto (v.5)
6.O pecador é louco e filho rebelde (v.6)
7.Os antigos devem ser consultados (v.7)
8.Deus distribui as terras com justiça (v.8)
9.Deus ama o seu povo (v.9)
10.Deus cuida do seu povo (v.10-11)
11.Deus guia o seu povo (v.12)
12.Deus sustenta o seu povo (v.13-14)
13.O pecador despreza a Rocha (v.15)
14.O pecador irrita a Deus (v.16-17)
15.O pecador se esquece (olvida) da Rocha (v.18)
16.Deus também sabe desprezar (v.19)
17.Deus também sabe se esconder (v.20)
18.Deus também sabe provocar ciúmes (v.21)
19.Deus também sabe arremessar flechas (v.22-25)
20.O motivo de Deus não destruir o seu povo (v.26-27)
21.O pecador não aceita os conselhos de Deus (v.28-29)
22.Os inimigos de Deus são venenosos (v.30-33)
23.A vingança pertence ao Senhor (v.34-36)
24.Os deuses são inúteis; Deus é único (v.37-43)
25.Conclusão do cântico e da vida de Moisés (v.44-52)



[1] John Wesley's Explanatory Notes on the Whole Bible (extraído de e-sword version 10.3.0 - 2014)

Nenhum comentário:

Postar um comentário